Posted by : Se-chan sexta-feira, 1 de fevereiro de 2008

Minna-san!!!!!! (Traduzindo: Pessoal!!!!)
Como estão? Já se viciaram em alguma coisa nesse ano??? Mesmo que seja só pelo verão, já se viciaram???
Pois eu to viciada em muita coisa!! XD
Ta influenciando até no meu modo de agir e falar pelo pc!!
Eh que eu to viciada em Azumanga Daioh! Anime/Mangá fofíiiiiiiiiiisssiiiiimmoooooo!!!!!!!!! *.*
Eu jah tinha visto ele antes, mas deu vontade de rever..
Pra variar(Sarcasmo mor), a minha personagem preferida eh a Sakaki-san! Dublada pela Asakawa Yu(Dubladora tbm da Motoko de Love Hina, por isso o sarcasmo no inicio). Quem eh que viu Azumanga e não se lembra dela com o Neko-san??? Eh impossível não lembrar! Tãaaaaao fofo!!! *.* Além disso, quem eh que naum amouuuu ela vestindo gakuran(uniforme com casaco de gola alta e comprido. Pra quem eh observador, em vários animes aparecem alunos baderneiros usando gakuran. Sério, mas é um uniforme bem estiloso >D) ALEEEEMMM dela rolando no chão com o Maia nos braços dizendo “Você é tão fofo!” e suspirando!!!!! *.* ela é TÃAAOOOOOO legalllllllllllllllllllllllllllllllllllllll.... *viciada na personagem. Ela eh uma das minhas preferidas de todos os animes que jah vi! >D*
Eu bem que queria fazer um cosplay de Azumanga, mas eu não sei de quem! Sakaki tem 1,74 m de atura, enquanto eu tenho.... 1 e 50 e 1 ou 2 m de altura (XD). Osaka eh mto tapada pra mim (XD). Tomo eh MTO energética e baka(^^’’), a Yomi eh gordinha, enquanto eu tenho 40 kg (XD), naum to afim de fazer da Karin ou da Kagura... Então... acho que sobra pra Chiyo-chan uahuahuahuahuahuahuhauhahauhahuauhahu Pior que eu acho que eu ficava fofa.. mas a Chiyo-chan eh insuperável em fofurice (Imitando uma fala da Yukari-sensei)
E, no final, o que isso tem a ver com eu estar toda gritante?? Eh pq eu to agindo no pc feito a Tomo-chan!! XD

Outro vicio que to atualmente eh Donkey Kong Contry! Pra Super Nintendo mesmo!! XD
To jogando no emulador do meu pc!
Já acabei o 1º jogo, agora to jogando o 2 (To jogando a menos de uma semana XD) e depois jogo o 3 soh pra acabar todos XD (Mesmo que eu naum goste da jogabilidade do 3º)

Outro ainda eh o meu fixo, escutar musicas no meu mp3 player! ^^’’’
Maaaasssss... to pensando.. nesse ano.. na faculdade (sim, estou jah na faculdade.. XD no 2º ano de artes visuais licenciatura, por acaso.. ^^’’) vou pegar estágio remunerado e, graças ao meu irmão que ta viciado em action figures da marvel legends (coleção realmente bem feita, com cada personagem com, no mínimo, uns 30 pontos de articulação.), e que vai comprar bonecos pelo Ebay, eu to achando que vou comprar coisas de anime pelo Ebay também. E ai.. num futuro não tão perto nem tão longe, comprarei cartas de pacto, um Kamo-kun de pelúcia, e, quem sabe, algum dvd ou algum outro bichinhu de pelúcia *.* (Será que existe algum bichinhu de pelúcia do Liddo-kun, akele bichinhu de Love Hina)

Quem sabe... neh?
Gente.. espero que gostem do capítulo, apesar do final (>D)
To me exibindo pq gostei da minha idéia pra Partners, e a Mazaki gostou.. entaum to feliz da vida! Uahahuahuahah
Se bem que eu mudei bastante desde a idéia que me veio em mente durante uma conversa com a Mazaki ... eu tava falando pra ela e depois fui fazendo um enredo até o final da historia em 10 minutos! XD (Dia memorável ^^’’)

-------------------------------------------------------------------

Capítulo 04 – Congelando o Tempo

Konoka estava no meio da sala de aula, em uma aula intediante de inglês, Negi que a perdoe, mas era verdade, relembrando os dias que passara em Kyoto junto de Setsuna, sendo em sua infância, seja na viajem escolar feita há poucos meses.

As memórias eram calorosas e a maga ria-se sem notar os acontecimentos durante a aula. Via Negi caminhando de um lado para outro com seu inseparável “Neo Horizon Volume 3”, falando algo em inglês que não prestara atenção o bastante para entender.

“Konoka-san! KO-NO-KA-SAN!?” A garota assustou-se com o professor parando ao seu lado e gritando seu nome.

“Have you understand my reading, Konoka-san?”(Tradução: Você entendeu a minha leitura Konoka-san?) A herdeira das Associações Mágicas não sabia o que responder. Poderia dizer que sim, mas correria risco de ter que explicar a oração, texto, ou o que diabos ele estivesse lido. Ou teria a opção de admitir que não prestara atenção e ser considerada a mais nova Baka Ranger da turma 3-A.

“Sorry, Negi-kun. But I was thinking in somethings and don’t pay attention in your reading.”(Tradução: Me desculpe, Negi-kun. Mas eu estava pensando em algumas coisas e não prestei atenção em sua leitura.) Preferiu dizer a verdade do que correr risco de passar a maior vergonha de sua vida escolar.

Setsuna olhou-a preocupada. Sua querida Kono-chan estava agindo estranho desde o final da noite passada e não sabia o porquê. Temia o que poderia vir, mas torcia para que não fosse nada demais.

Na verdade a futura Grã-Mestra das Associações Mágicas Japonesas tinha fixado seus pensamentos na memória de quando sua Set-chan falara que ‘mesmo que tenhamos que enfrentar magos, onis, espadachins Shinmei, e o que mais houver no mundo, eu tenho certeza de que ficaremos juntas no final..’ . Porque? Somente pelo fato desta não saber o que poderia vir. Imagine se elas tivessem de encontrar algum super mago ao estilo Evangeline (por mais que Set-chan tenha derrotado esta na outra vez.), ou pior, algo próximo de Fate ou dos companheiros de Nagi. ESPERE! Papai! Papai era companheiro do pai de Negi na Ala Rubra, ou seja, alguém extremamente forte, e se ele não concordasse com o relacionamento delas—

. . .

Não quis nem pensar na possibilidade, seria demasiadamente ruim. Contentava-se em pensar apenas em uma solução para seu problema de desconhecimento do futuro. Bem, saber o que viria em sua vida poderia fazer tudo ficar mais chato, mas seria muito mais precavido do que apenas ter confiança como Setsuna.

Decidira, iria pegar qualquer pessoa interessada no assunto e faria uma varredura sobre os livros do assunto. Mas, como ela iria achar livros do assunto? Ora, pra que serve uma amiga interessada em magia, que é uma Philosophastra Illustrans e que tem um Orbis Sensualium Pictus (“O mundo visível em imagens”, literalmente. Ou seja, um livro que mostra tudo que existe –A partir de uma interpretação meio forçada- Resumindo, é o livro que a Yue tem graças ao pacto com o Negi.)?

Chegara à hora do almoço. Teria que encarar Set-chan e disfarçar sua preocupação. Se a espadachim soubesse, certamente iria ser contra a idéia, já que obviamente uma previsão do futuro poderia ser perigoso, quem sabe até com efeitos colaterais.

A guarda-costas-amante-parceira-amiga-de-infância de Konoka puxou-a discretamente para fora da sala, daquela multidão de bisbilhoteiras de primeira, antes que elas percebessem que as duas estavam indo ter um momento de refeição solitário e, na visão da turma, com pitadas de luxúria.

Foram até um “canto” mais confortável da escola, onde tinha apenas estudantes já do colegial e o conselho estudantil de Mahora. Caminharam até achar uma mesa de estudos ao ar livre do pátio perto de algumas árvores e um pequeno jardim que era cuidado por um dos milhares de clubes de Mahora. Era do clube de floricultura, não do de arranjos florais, do qual Iincho fazia parte. A diferença entre eles? Quase nenhuma, mas o primeiro parecia ter mais relação biológica do que estética, talvez por isso a representante da 3-A tenha entrado no outro.

O olhar perdido da maga nas plantas e no solo provocavam uma estranha sensação de desconfiança em Setsuna. O que teria acontecido? Eishun-sama teria descoberto? Kamo-kun teria tirado uma foto comprometedora e estaria se aproveitando de Kono-chan!? Não, provavelmente não. Esse olhar não mostrava isso. Parece preocupado, mas ao mesmo tempo perdido, como se não soubesse o que fazer. Tinha medo deste olhar. Uma má impressão passou-lhe em mente, algo aconteceria e ela tinha que impedir! Mas... Impedir o que?

O almoço começara silencioso, sem muitas trocas de palavras. Não era um clima ruim, apenas não sabiam o que falar, o que muitas vezes é pior que um clima ruim onde simplesmente pode se perguntar “Por que você não quer falar comigo?”. Não é que não quisessem falar, mas não sabiam sobre o que nem o momento de falar.

“Set-chan, co... como que você sabe que... estaremos bem e juntas no futuro?” A pergunta fez vir na Meia-Uzoku um frio na espinha.

“B-Bem... Eu não sei... Só quero que seja assim...” Segurando a mão de Konoka foi se aproximando delicadamente do corpo da outra. “Eu vou lutar para que seja assim...”

“Co-Como você sabe que você me ama? Você... tem certeza de seus sentimentos? E se você estiver engana--”

“Não estou enganada!” Os olhos negros de Setsuna foram de encontro aos da herdeira das Associações como um raio. Transpareciam um sentimento de quase raiva. “Eu TE amo desde... Desde aquele dia... Você é com quem eu quero viver... Quem eu quero fazer feliz...” O rosto descia até que os olhos não pudessem ser vistos e a espadachim encostara a testa nos ombros de Konoka. “Kono-chan... Se isso não é amor... Então eu nunca vou amar... Por que sei que nada que vou sentir na vida será mais forte que isso!” Os braços agora entrelaçando o corpo da outra, fazendo o contato aprofundar-se, fez com que a maga ficasse com os olhos cheios de lágrimas.

Após alguns minutos de silêncio, com apenas os sons de Setsuna tentando segurar as lágrimas e de uma Konoka já desapontada consigo mesma por ter feito uma pergunta tão idiota, a guarda-costas conseguiu partir a distância de suas almas.

“Kono-chan...”

“Sim..?”

“Você já ouviu falar da semelhança entre o amor e o vento?”

“Hm? N-não..”

“O amor ... Assim como o vento... não é enchergado...”

A mão de Setsuna fora até o queixo da garota de cabelos chocolcate, puxando-a para um encontro de olhares.

“Mas... Pode ser sentido...” Colocando sua mão sobre o peito da maga, Setsuna sorriu ternamente para a garota. “Você pode sentir, Kono-chan? Por que eu já sinto há muito tempo..”

Um sorriso saíra dos lábios de Konoka. Sua Set-chan era tão doce, como pudera duvidar, mesmo que por alguns segundos, dos sentimentos dela? “S-sim... Eu também... Set-chan...”

“Então... Kono-chan.. você... quer... na-na... namorar... co-comigo..?” A vergonha vinha como se nunca fosse sair da cara da Shinmei. Era impróprio, cedo e extremamente perigoso faze-lo.

“Se-Set-chan..!” A pergunta vinha como colírio para os olhos de Konoka. Agora sim havia voltado à normalidade. Resultado, a resposta veio em forma física. A maga beijou-lhe nos lábios em uma felicidade que parecia além de humana.

“Devo entender isso como um sim?” O sorriso de Setsuna demonstrava toda a felicidade que sentia no momento, era tudo tão bom, porque diabos um amor tão verdadeiro assim não poderia ser aceito com tanta naturalidade.

Após o termino do momento romântico-depressivo com final demasiadamente-espontâneo de Konoka e de almoçarem, ambas foram até a sala da 3-A, de mãos dadas.

A confusão, mistura de garotas curiosas por novos babados e de quem estava apenas para varzear, estava feita. Quem queria boato, estava com um prato feito, quem queria brincar, tinha o mesmo, já que poderiam brincar muito com as atitudes protetoras de Setsuna a vontade, causando vergonha ao casal.

Setsuna, apesar da face que parecia de total arrependimento, via-se finalmente na situação em que sempre quis estar. Kono-chan finalmente era sua, como amiga, como parceira, como namorada, representava tudo o que lhe era importante. Via-se confiante com relação a reação de todos os que poderiam causar algum dano a reação. A confiança que lhe vinha logo após Kono-chan aceita-la como namorada sobrecarregava-a de energia. Poderia fazer mil seções de treinos mortais de Evangeline-san que não lhe causariam nem uma única falta de fôlego.

Já a herdeira das Associações Mágicas sentia a cadeira elétrica aproximar-se dela, como se seu avô já soubesse de tudo e que tentaria de tudo para empurrar a força um dos pretendentes de mau gosto do velho Grã-Mestre de Kanto. Mas Set-chan fora tão fofa, não conseguiria negar um pedido tão atraente da garota.

Logo após umas aulas mal entendidas, a maga e sua espadachim saíram em velocidade máxima, obviamente Setsuna estava carregando sua amada, até que as demais estudantes de sua sala as perdessem de vista. Não fora difícil, nem Tatsumiya, Kaede, Evangeline ou Chachamaru estavam interessadas em perseguir um simples casal novo no colégio, porém, Setsuna teve que usar alguns de seus shikigamis para despistar Ku Fei, que estava mais do que decidida a bisbilhotar o namorico alheio.

Ficaram certo tempo juntas, apenas andando pelo campus, mas logo Setsuna tivera que ir até um dos bicos que tinha que fazer para o diretor-geral de Mahora. Afinal, não é bom causar má impressão no pai do sogro de sua namorada, não é?

Com um beijo discreto nos lábios, Setsuna despediu-se com um sorriso da garota de cabelos negros. ‘Tenho que acabar o mais rápido possível esse bico... Ainda tem algo preocupando ela..’

Parou por um minuto olhando meio abobalhada para Konoka. A outra retribuiu-o expandindo seu sorriso característico. O momento tornou-se quase interminável, afinal, quem iria terminar um momento tão gostoso com sua recém namorada? Ainda mais quando a ama há tanto tempo.

O olhar tornou-se um toque no rosto e, em seguida, passou para um carinho nos longos cabelos. A maga nada fazia, no máximo soltava um ruído fofo como se fosse um gato pedindo mais carinho.

Infelizmente, o celular da espadachim tocou. Era Mana chamando-a urgentemente para o Templo Tatsumiya, onde iriam se encontrar desde o ínicio. Apesar de não usar nenhum tom severo, aparentava mal humorada com o atraso da companheira. Provavelmente ainda não havia se encontrado com o capitão do clube de Biathlon hoje.

Em seguida Konoka decidira que preferia prevenir-se sobre qualquer ataque futuro. Foi até o trio da biblioteca e discutiu sobre a tal previsão que desejava fazer. Yue e Nodoka logo concordaram, mas Haruna discordou, mas avisara que, se desse certo, que ela teria que ser a primeira a saber.

Paru, como tem uma estranha percepção para o “cheiro do amor”, logo se ria sozinha, fazendo todas ali presentes estranharem-na e desconfortáveis.

“Está aqui.” Yue apontava para o livro brilhante. “Divisão de Leitura da Sorte.” Descia o dedo até meados da folha à direita de seu corpo. “Previsão do Futuro Nível 01: Imagens e Ruídos.”

“Yue... Aqui diz que para qualquer nível de leitura da sorte se precisa de uma quantidade fora do comum de magia para que dê certo.. Será que conseguiremos?” O medo fazia a “livreira” esconder-se por de baixo das franjas extremamente compridas.

“Bem, vocês eu não sei...” A mangaká(desenhista de mangá) olhara maliciosamente para a maga de cabelos chocolate. “Mas essa aqui consegue com certeza... Tanto pela quantidade de magia... tanto pela vontade...” O sorriso se alargava proporcionalmente ao corado de Konoka.

“E-Então vamos começar!” Dizia a maga enquanto pegava um pedaço de giz.

Konoka e Nodoka seguiam as ordem de Yue, que ia lendo o Orbis(Livro). “Primeiro: desenhe um circulo mágico com uma estrela de 12 pontas no piso.”

“12 pontas!? Mas o que normalmente é usado é o de 6!” Haruna exclamava apavorada com a exigência de magia para a magia. “Não é a toa que não há muitos magos desse tipo de magia no mundo..”

“Após desenhado o circulo mágico, despeje pó de Youkai Raposa por este.” Yue lia altamente interessada nos “ingredientes” da magia. “Cada indivíduo deve se sentar nos lugares especificados pelas únicas partes sem o pó. Sem nenhuma exceção, o pó acertará o número de indivíduos que participarão da magia e concederá lugares específicos para cada um. O lugar será especificado para a pessoa para que este brilhará quando atravessado.” O tom de mistério que o livro revelava junto com as palavras era inacreditável.

“Após os indivíduos colocarem-se nos devidos lugares, deve-se repetir as seguintes palavras:”

Kosmike, vires tu lucis en mea direcione. (Cósmus, vire tua luz em minha direção.)

Pars secundas uses tu magica to khronon kristalline(Por segundos, use tua mágica para o futuro congelar.)

Khronon spiritus, mea mostrea tu vistas(Espírito do futuro, mostrem-me o que enxergas.)

Um clarão veio aos olhos de Konoka instantaneamente. Começara a enxergar figuras, como se fossem fotos passando em sua mente. A primeira, e mais apavorante, enxergava uma imagem devastadora de Setsuna em seus braços, ensangüentada, nas redondezas de Kyoto, mais especificamente no campo de flores, mas que agora era um mar de sangue em uma escuridão que nunca vira antes. Sons vinham há seus ouvidos. Escutara vários “amo”, “chore” e ruídos de dor e tristeza.

Quando menos esperava, a imagem mudara para um momento de luxúria onde esta estava deitada, em um futon com Setsuna segurando-a ternamente, ambas nuas, com faces cansadas e coradas, porém satisfeitas, como se seus desejos estivessem realizados. Sons de risadas e alguns “gostoso” e “quente” eram trilha sonora da previsão. Nunca pensara que o relacionamento entre elas iria se expandir tão rápido, pois na imagem elas ainda tinham a mesma aparência de agora.

A terceira, e última, imagem era de uma Konoka sozinha, em uma escuridão onde não se via mais nada. A garota parecia perdida e assustada por uma misteriosa razão. O completo silêncio era apavorante até para a que via, mas não entendia nada do que era o previsto. Via em seus próprios olhos um temor milhões de vezes pior do que na atual situação. Era o seu maior pesadelo aparecendo em sua frente, pelo que conseguia interpretar de sua face aterrorizada.

Acordara após ver as previsões. As três garotas correram até ela apavoradas. Já havia anoitecido e a garota tinha desmaiado logo após as palavras de ativação da magia serem recitadas.

Konoka estava tonta e confusa. Lembrava-se do que acabara de passar, porém, logo vieram lágrimas aos seus olhos. A garota que tanto queria ver o futuro e que o conseguiu de fato, recebera um efeito colateral. Um que as outras garotas na sala não receberam, pois não viram coisa alguma após as palavras. O efeito era certamente algo que não valeria a pena para o resultado bem sucedido do feitiço. Agora, a garota de cabelos chocolate, não tinha mais em mente a coisa mais importante de sua vida, suas memórias...

---------------------------------------------------------------

Respondendo uma leitora as preças... uns.. devo colocar mais cenas do passado.. mas naum tantas.. acho XD
Bem... O que acharam? Irão me matar? ^^’’
Espero que naum! Ahahahuahuahuauha
Mas podem esperar.. vai ficar muito bom o enredo, desde que eu tenha paciência! >D
To com um medo, pq esse capitulo eu fiz mais corrido, pq queria colocar logo pra ver a reação do pessoal ^^
Então não me foquei muito no fato do começo de namoro delas.. acho que isso fez o cap não ficar tão bom.. mas como ainda to dando uma revisada no cap enquanto escrevo esses comentários, talvez ele melhore! XD
Além disso, na cena do pedido de namoro.. não sei se acabei tornando a Setsuna muito feminina e chorona.. ¬¬
Acho que vou mudar e postar a versão final (sem mudar esses comentários aki pq to com preguiça) jah no 1º post que fizer desse cap..
Aaahhh... e pra quem jah viu o filme “Um Amor para Recordar”... Reconheceram a frase do filme? A do “o amor eh como o vento e-mais-o-resto”... >D
Foi uma homenagem há pessoa que me recomendou o filme *Se coloca num canto escondendo o rosto*(Será que ela ainda lê as fics que posto aqui? XD)
Bjus e até o próximo conjunto de fics postadas ao mesmo tempo! >D

4 Responses so far.

  1. Gabi-chan says:

    Ta mto bom as duas Fics ^^
    To com preguiça de posta la em cima tbm xD


    Ta como eu so um poko chata xD
    Vo faze umas perguntas:
    Lives- O q aconteceu com Setsuna-P?

    Partners- Onde as meninas arranjaram pó de cauda de Youkai Raposa? E a Kono-chan perdeu a Memória!?!?

  2. se-chan says:

    Lembra da coleção do Negi de armas magicas raras e etc... vamos dizer que pegaram de lah XD

  3. O que houve com a Set-P??? Naum entendi a pergunta.... vc leu o lives 21?

  4. Dayane says:

    ha ninguem merec em essas duas só sofrem em

    ha....eu até q não achei mau o pedido d namoro masi eu acho q tinha q ter c focado masi nele mostrado as alunas q iriam fika loucas né ???

    mais tá otimo espero p/ v o q vai aconteser !!!

Translate to your language:

Seguidores

Parceiros

Parceiros | Yuri

Kiyoteru Fansub
Gokigenyou
Moonlight Flowers
S2 Yuri
Yuri Licious
Yuri Private
Yuri Zone

Parceiros | Blogs e Sites

Anikenkai
Chuva de Nanquim
Elfen Lied Brasil
Gyabbo!
Jwave
MangaBa
Mithril
Mundo Mazaki
nbm² - Nobumami
Netoin!
Shoujismo
Você Sabia Anime?

Arquivo do Blog

Popular Post

- Copyright © | Kono - Ai - Setsu | - fonte para yuri, shoujo-ai e girls love desde 2007 -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -